quinta-feira, 12 de março de 2009





Shalom!
A comida é muito marcante no judaísmo. Com cheiros e sabores típicos!
O Papo de hoje é na cozinha!!
Dora Gazale, o que temos para comer?


PIT - Olá Dora, bem vinda ao Papo em Comunidade!
DG -
Olá Patricia, parabéns pela criação do Papo em Comunidade, brilhante idéia. Fico feliz em poder participar de algo tão nosso, muito obrigada pelo convite.

PIT - Para começar conte um pouco sobre você...
DG -
Faço parte de uma família tradicional judaica, eu asquenazi e meu marido sefaradi. Temos 3 filhos e um neto, todos praticamos esporte, o que nos torna unidos, tranquilos e tolerantes. Morei em Israel algum tempo e tive aprendizado muito importante dentro do que chamamos comunidade.

PIT - Como surgiu o seu gosto em cozinhar e em especial pela culinária judaica?
DG -
O gosto pela cozinha teve início quando os filhos nasceram e eu me dedicava em tempo integral à alimentação, criação e educação, e por incrível que pareça nós passávamos mais tempo na cozinha do que na sala. O que era reservado para os jantares de Shabat e chagim, tudo era feito com carinho e prazer.

PIT - Na sua opinião qual a importância da comida no judaísmo?
DG -
A comida tradicional judaica é tudo: história, tradição, união e perfume. O aroma invade e contagia até os vizinhos. Todos na família participam na elaboração. Os condimentos e especiarias tornam a comida ainda mais saborosa e especial, principalmente nas noites de Shabat.

PIT - A cozinha judaica é bem variada, com receitas de origem asquenazi e sefaradi. Como agradar a todos os paladares?
DG -
Realmente é difícil agradar a todos, mas cada um tem seu ponto fraco. Quem resiste a um beigale, burecas e kibe? Dentro da arte de preparar determinados pratos, além dos temperos, existe aquela pitada de amor, de energia positiva, pois tudo é feito com gosto. É difícil não apreciar nossos pratos.

PIT - Numa culinária tão tradicional ainda há espaço para inovação?
DG -
Sempre há espaço para uma nova criação, partindo do principio básico que cozinha é um laboratório onde você cria e combina paladares, vamos chamar de a “Arte da Criação”. A beleza aos olhos, aroma perfumado com condimentos e o prazer maior, saborear. As vezes você viaja quando come alguns tipos de comida. Por exemplo, falafel, quem já esteve em Israel conhece o sabor e em pensamentos você, com certeza, estará viajando até lá.

PIT - Com sua clientela variada, já deu para eleger os pratos preferidos da comunidade judaica?
DG -
Temos vários pratos, mas tem os preferidos dentro dos tradicionais.
Para os asquenazim guefilt fish com raiz forte e para os sefaradim os recheados.

PIT - Pessach está chegando, qual a sua dica de cardápio para um bom seder?
DG -
Em primeiro lugar a família deve estar reunida. Depois quem oferece o Seder deve ter o coração receptivo e transmitir toda a essência da festividade.
Quanto ao cardápio, além do guefilt fish com raiz forte e os recheados que falei antes, sugiro também, bolo de Matzá, compotas, tortas entre outras mil delícias!

PIT - Quem quiser provar suas delicias ou encomendar pratos para Pessach pode te procurar?
DG -
Sejam bem vindos!! Mas, por favor, com antecedência, pois em cima da hora fica difícil atendê-los.

PIT - Dora, muito obrigada por sua entrevista e deixe aqui o seu recado!
DG -
Tudo que fizer com pitadas de amor com certeza dará certo, principalmente na arte de cozinhar. Você já ouviu a história de que, quando o pão da padaria está feio é porque o padeiro estava de mau humor?
Pois é, na cozinha é a mesma coisa!
Acessem meu blog com receitas deliciosas e preços do que faço
http://www.beigaleseburecas.blogspot.com/, temos também uma comunidade de comidas judaicas no ORKUT
http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=77368401
com 37 receitas deliciosas e sempre com receitas novas.
Para encomendas: 21- 2256.7797 ou 21- 8159.5329
Obrigada! Be happy e Shalom!




ANUNCIE AQUI NO COMUNIPAPO